De 07 a 12 de julho de 2019

Em constante metamorfose, a cidade de Berlim traz consigo as marcas das mudanças na sua arquitetura e na sua paisagem, levando para o mundo suas tendências.

Conhecer o que é produzido na cidade no campo da arquitetura e da arquitetura da paisagem significa, além de um mergulho nas técnicas construtivas e nas caraterísticas projetuais, descobrir sua história, sua marca e sua interação com seus habitantes, vindos dos mais variados países.

Concebido para arquitetos, estudantes e professores de arquitetura e interessados, este evento apresentará a arquitetura de Berlim a partir de perspectiva diversa. Por um lado, traz a teoria através de palestras de professores da Universidade Técnica de Berlim, além do conhecimento dos representantes do Senado do Desenvolvimento Urbano e Habitação, da Fundação Bauhaus e de profissionais liberais da cidade. Por outro lado, destaca a prática através de visitas guiadas aos locais mais expressivos da arquitetura berlinense.

 O apoio aos participantes começa meses antes do evento. Após a inscrição, os participantes receberão textos informativos e artigos sobre os seminários e os locais a serem visitados. Sendo que, no fim de cada visita, serão realizados debates sobre os temas, tornando a experiência ainda mais enriquecedora.

Com um olhar crítico, os participantes conhecerão diversos projetos, experiências arquitetônicas bem-sucedidas, edifícios institucionais, parques, obras de requalificação urbana, conjuntos habitacionais e planos de desenvolvimento setoriais de Berlim com enfoque especial nos aspectos de sustentabilidade. Vale destacar os seguintes temas:

  • Habitação de interesse social – Conjuntos habitacionais do período da República de Weimar, tombados pela UNESCO como patrimônio da humanidade; o modernismo na reconstrução de Berlim no pós-guerra e as propostas contemporâneas que enfocam técnicas atuais e a sustentabilidade.

  • Experimentos ecológicos da década de 80 e 90-contribuição para a sustentabilidade do meio urbano e da arquitetura

  • Planos urbanísticos e arquitetura na cidade pós-reunificada

  • Áreas Verdes como elemento de sustentabilidade urbana

Idioma do evento

As palestras serão em inglês e traduzidas para o português. Os participantes contarão ainda com o apoio de um profissional falante de português e espanhol que os acompanhará em todas as atividades.

Financiamento

Neste ano, nosso evento traz uma novidade: estudantes de mestrado ou doutorado que desejarem pleitear financiamento junto a órgãos de fomento à pesquisa ou às universidades, poderão contar com documentos de confirmação assinados pelos professores da Universidade Técnica de Berlim para serem apresentados junto a essas instituições.

PROGRAMA (por hora ainda sujeito a pequenas mudanças)

Informações complementares sobre o curso:

Este evento ocorre todos os anos e teremos mais uma vez a oportunidade de receber novos participantes de 07 a 12 de julho de 2018.

– O número de vagas oferecidas é de 22, e será necessário preencher o mínimo de 15 para a realização do curso.

– Na chegada, os participantes receberão uma pasta contendo explicações detalhadas, mapas, passes para o transporte público e outras.

– Serão enviados previamente aos inscritos uma série de textos e artigos em inglês e português sobre os temas tratados nas palestras e nas visitas.

– Todas as atividades serão acompanhadas por um profissional da Areas Berlin falante de português, inglês e espanhol para tirar dúvidas.

– É necessário saber andar de bicicleta, pois a usaremos como meio de transporte para muitas atividades.

– Além da bicicleta, alguns deslocamentos serão feitos de transporte público, incluindo trens urbanos em trajetos longos.

– No caso de chuva intensa nos dias de atividades de bicicleta, os percursos serão feitos em um micro-ônibus ou vans. (As informações serão baseadas na previsão meteorológica).

– As palestras serão realizadas na Universidade Técnica e no Centro Cultural Fabriqueta.- Os lugares de encontro para cada atividade serão divulgados dias antes do evento.- Materiais didáticos serão distribuídos durante as atividades.

– A viagem à Dessai (Bauhaus e edifício da UBA) será realizada de trem. Ela dura aproximadamente uma hora e quarenta minutos para cada trajeto. O almoço será no refeitório do edifício da Bauhaus.

– Os certificados serão expedidos em nome da Áreas Berlin, assinados pela sua coordenadora e por mais três profissionais: dois da Universidade Técnica de Berlim e um do Senado do Desenvolvimento Urbano e Habitação.

– Os locais e as possibilidades de refeição e lanche serão divulgadas próximo à data do evento.

– Como se comemora os 100 anos da Bauhaus, as atividades de Berlim,como exposições e palestras, serão encaixadas ao nosso programa (aguardando o programa completo de Berlim)

Investimentos:

– O valor da participação no evento é de 780,00 € para estudantes e 880,00 para formados.

Estes valores incluem: palestras e visitas; passagem individual para transporte público por uma semana em Berlim; o aluguel de uma bicicleta por 3 dias; passe para o transporte público para a bicicleta; passagens de trem de ida e volta para Dessau, entradas e tours nos edifícios da Bauhaus; ; ingressos para o Panorama Punkt; uso de aparelhos de comunicação durante os passeios de bicicleta; ônibus ou vans fretados para um dia de visita em caso de chuva; pasta com mapas, folhetos informativos e programa impressos; material informativo de atividade.

Forma de pagamento: 20% do valor total até o dia 30 de março, 40% no fim de maio e o restante em Berlim, no primeiro dia do evento. O pagamento da primeira parte só será efetuada se completarmos o número mínimo de participantes para a realização do evento, assim como a confirmação para liberação de compra das passagens. Não haverá reembolso para quem desistir de participar.

– A hospedagem, passagens aéreas e alimentação não estão incluídas nesse valor. Como nos anos anteriores, fazemos várias reservas de hospedagens com antecedência, e assim, conseguirmos bons preços. Os participantes podem decidir se querem ou não usar essas reservas, avisando-nos com antecedência. Buscaremos também formas de hospedagens alternativas, com preços mais acessíveis.

– Para os estudantes, que desejam requerer financiamento por meio de órgãos de fomento à pesquisa ou universidades, poderão contar com documentos de confirmação assinados pelos professores da Universidade Técnica de Berlim. O processo de solicitação de recursos deverá ser encaminhado pelos próprios estudantes a seus orientadores nos seus países de origem.

Esperamos ter contribuído para tirar suas dúvidas, e continuamos à disposição para responder às quaisquer perguntas.

Para informações sobre os eventos dos anos anteriores, poderão ver os depoimentos de participantes, que estão disponível no nosso website: http://arq.areas-berlin.com/category/depoimentos

Maristela Pimentel Alves

AREAS BERLIN

Mais informações por este link  http://arq.areas-berlin.com/

Deixe um comentário

*

*